Ampliação da rede de atendimento e coparticipação

9 de março de 2021

Embora a pesquisa realizada sobre os hábitos de uso e avaliação dos serviços Danamed tenha apontado bons índices de satisfação, sempre existem pontos a serem melhorados. Nesta edição daremos atenção especial à dois pontos críticos levantados pelos beneficiários: ampliação da rede de atendimento e coparticipação.

Os resultados da pesquisa com os beneficiários do plano de saúde nas unidades Dana em todo o Brasil apontaram e quantificaram avaliações, expectativas, hábitos de uso e outras questões que estão ajudando no aperfeiçoamento e melhorias do benefício.

Entre os pontos de melhoria que tiveram maior percentual de citações pelos beneficiários Danamed, dois se destacam:

  • Aumentar rede credenciada – 37,1%
  • Reduzir a coparticipação – 33,5%

Primeiro precisamos sempre lembrar que a Danamed é um benefício de saúde na modalidade de autogestão, ou seja, as três partes – Dana, Danamed e funcionários da Dana – são os responsáveis pela viabilidade do serviço.

Segundo ponto importante é que a cobertura geográfica é regional, como consta no registro Danamed na ANS – Agência Nacional de Saúde. Assim, nossa rede credenciada está localizada nas cidades próximas às unidades Dana, a saber, Porto Alegre e região metropolitana, Jundiaí e região e Campinas e região.

Aumentar a rede credenciada – Esta é uma ação que envolve três agentes diferentes: o prestador de serviços, o funcionário Dana e a equipe de gestão Danamed.

A rede credenciada está preferencialmente próxima as localidades onde há maior concentração de famílias dos funcionários Dana e necessariamente estes credenciados devem atender aos critérios técnicos e de qualidade estabelecidos pela Danamed, além das normas e legislação de saúde do município.

Para credenciar um médico, clínica, laboratório ou hospital, primeiro ele tem que atender os padrões de qualidade e competência técnica definidos pela equipe de gestores do plano de saúde. Satisfeito este quesito, outro ponto crítico é o prestador de serviços ou empresa ter interesse em integrar a rede credenciada do plano de saúde e concordar com as condições contratuais Danamed.

Ajustadas estas duas questões, existe ainda a aceitação do cliente Danamed aos serviços oferecidos pelo profissional ou pela equipe de profissionais de saúde da empresa conveniada, ou seja, os funcionários Dana e seus beneficiários usarem este credenciado em suas consultas.

Em diversas ocasiões, embora a clínica tenha bons profissionais e um atendimento eficiente, o cliente Danamed já está habituado com os serviços de um outro profissional. Quando isso acontece, existe uma resistência do beneficiário na troca do profissional. Em geral, essa situação é mais perceptível quando, por desinteresse ou não renovação do acordo comercial entre as partes, o profissional ou empresa de saúde solicita o descredenciamento. Resultado: o médico ao qual o beneficiário estava habituado não mais o atenderá e o inicia-se um novo processo de adaptação ao novo profissional escolhido.

Essa rede credenciada é periodicamente avaliada quanto à qualidade dos serviços, além da aferição sobre o índice de reclamação dos funcionários Dana e seus beneficiários sobre prestador de serviços, e acompanhamento da correção e veracidade dos relatórios clínicos e financeiros apresentados.

Na outra ponta, sabemos que, objetivamente, é impossível credenciar todos os profissionais ou empresas de serviços de saúde preferidos de cada um dos funcionários. Assim, na medida do possível, sempre que recebemos sugestões e indicações de médicos, clínicas, hospitais, laboratórios e outros serviços de saúde, avaliamos e investigamos se há outros funcionários indicando aquele credenciamento e, após isso, iniciamos os contatos com o indicado para confirmar se ele atende os requisitos Danamed: padrão de qualidade, competência técnica, abrangência geográfica e acordo comercial.

Satisfeitos estes requisitos, inicia-se a efetivação e adesão à rede de credenciados Danamed. Assim, apesar de ocasionalmente existir descredenciamentos, nossa rede está sempre crescendo.

Reduzir a coparticipação – Este é um ponto delicado, pois tudo que “mexe” com nosso bolso é sempre complicado de avaliarmos de forma imparcial. Se comparado com planos de saúde do mercado, os valores cobrados pela Danamed são bem inferiores a todos os demais, considerando a qualidade da rede de serviços credenciada.

Assim, não é surpresa que, embora menos de dois terços dos entrevistados entendam que a coparticipação é importante para manter o benefício saúde viável para todos na empresa, é unânime a opinião de que é melhor pagar pela coparticipação, do que não ter benefício saúde ou contratar um plano de saúde do mercado.

De forma bem resumida, o funcionário arca com um percentual do valor do serviço cobrado pelo prestador de serviço. Embora o uso do plano de saúde seja ilimitado, este valor de coparticipação é limitado a um teto máximo e, em alguns casos onde as despesas são mais onerosas pela complexidade dos procedimentos clínicos, o funcionário é isentado desta parcela. A diferença entre o valor repassado ao funcionário e o valor cobrado pelo prestador do serviço é suportado pela Dana, que é a mantenedora do benefício saúde. Assim, do valor total cobrado pelos procedimentos clínicos, 30% é repassado ao funcionário e os 70% restantes da fatura, é coberto pela Dana.

A Dana inclusive paga o prestador de serviços antes de receber a parcela de coparticipação do funcionário. O valor da fatura apresentada pelo médico, clínica ou hospital é quitado pelo departamento financeiro da Dana e pode demorar até 120 dias para ser repassado na folha de pagamento do funcionário.

Esse intervalo de tempo variável acontece pois depende de o prestador de serviços consolidar os atendimentos realizados e encaminhar os documentos para pagamento à Dana.

veja este exemplo: se a consulta realizada pelo funcionário ou seu beneficiário teve um valor de R$ 100,00, a Dana paga os R$ 100,00 para o prestador de serviços e repassa até R$ 30,00 para ser debitado na folha de pagamento do funcionário. Este valor a ser debitado pode ser consultado nos canais digitais Danamed – site e App para smartphone.

Temos como reduzir a parcela de coparticipação? Depende dos funcionários e dos beneficiários.

Lembra? Somos um benefício saúde em sistema de autogestão, assim cabe ao funcionário uma parcela também da administração do uso dos serviços. Somente o funcionário e seus beneficiários podem coordenar o uso consciente e responsável dos serviços oferecidos e controlar o que está sendo gasto com sua saúde.

Reduzir o percentual de coparticipação exige mais que estudos atuariais e financeiros, exige um histórico de previsibilidade, pois a Dana e a Danamed não podem antever o montante a ser investido pela mantenedora para que o benefício saúde continue existindo.

A partir de um histórico de uso onde o valor despendido para suportar a parcela de contribuição Dana se mostre controlado e bem gerido pelos beneficiários, é possível aumentar o percentual da mantenedora e reduzir o percentual da coparticipação do funcionário.

Mais um exemplo para ficar mais claro: se a média do valor mensal dos serviços médicos é de R$ 500,00, pelos percentuais atuais a Dana paga R$ 350,00 e o funcionário paga R$ 150,00. Porém, se esse valor médio mensal se estabiliza em R$ 400,00, o funcionário paga R$ 120,00 e a Dana paga R$ 280,00. Só essa redução já permite estudos para que o percentual seja inferior, pois se a mantenedora entender que os custos estão sob controle, ela pode suportar um percentual mais próximo dos R$ 350,00 pagos até então.

Mas para que isso ocorra, a condição fundamental é ter os custos sob controle, pois se as despesas com esse serviço sobem o percentual permanece o mesmo, mas o valor efetivamente pago por mantenedora e funcionário aumentam e doem no bolso de ambas as partes.

A busca pela sustentabilidade é o caminho para a manutenção de um benefício saúdavel e viável para todos.

Tem uma sugestão ou alguma dúvida, entre em contato pelos canais Danamed disponíveis. Sua opinião e participação são fundamentais.

Fale agora conosco!