Não sofra com as dores nas pernas

4 de fevereiro de 2021

Sabe aquela sensação de peso, cansaço e incomodo nas pernas após um dia de trabalho? Isso é mais comum do que você imagina e pode ser evitado e até eliminado com pequenos hábitos saudáveis e cuidados diários. 

Dores nas pernas são uma queixa muito frequente de quem trabalha sentado ou em pé por muitas horas e as causas desse problema podem ser variadas, podendo ir desde a má circulação do sangue nos membros inferiores até problemas posturais.  E não importa se você é um homem ou uma mulher, ambos sexos sofrem da mesma forma, com a agravante que elas têm uma chance maior de terem as veias dilatadas e varizes por fatores hormonais.

Assim como em outras partes do corpo, a dor nas pernas pode ser demonstrada através de formigamentos, dormência, ardor, sensações de frio/calor, entre outros sintomas. Essas dores podem ser de curto prazo (agudo) ou de longo prazo (crônico), e podem ocorrer esporadicamente, com frequência e somente sob algumas circunstâncias específicas.

Por ser um sintoma comum, as dores nas pernas são frequentemente ignoradas. Porém, o incômodo na região pode indicar problemas que merecem atenção.

Algumas razões para a dor nas pernas e seus cuidados

A dor ciática pode estar relacionada à dor nas pernas. Quando existem alterações graves na coluna, o incômodo pode ir além das costas e atingir glúteos e as pernas. A sensação nos músculos inferiores é de formigamento e fraqueza. Nesses casos, realize compressas com água morna no local dolorido, evite levantar objetos pesados e procure um médico para avaliação do quadro.

A má circulação também é uma causa frequente de dores nas pernas. O problema, que afeta idosos em sua maioria, pode ser agravado e ocasionar o surgimento de trombose, um quadro que ocorre quando um pequeno coágulo interrompe uma parte da circulação para as pernas.

Dentre todas as causas citadas, a mais incidente em pacientes possui origem muscular. As dores musculares surgem após a prática de alguma atividade física sem a preparação adequada. Os sintomas são dores após o término da atividade e cansaço nas pernas nos dias consecutivos. Outra causa comum de origem muscular são as câimbras, que são muito frequentes durante o período gestacional.

Mas a boa notícia é que é possível aliviar dores nas pernas com medidas simples e a adoção de alguns bons hábitos.

Pratique esportes e faça exercícios – A prática de exercícios físicos ajuda na circulação, fortalecem os músculos, proporcionam bem-estar e ajudam a reduzir o sobrepeso, outro fator que pode prejudicar a circulação nas pernas.

Os exercícios mais recomendados para quem procura aliviar as dores nas pernas são:

  • Caminhada;
  • Subir e descer escadas;
  • Pedalar moderadamente;
  • Atividades aquáticas, como natação e hidroginástica.

Movimente suas pernas – O sistema venoso é responsável pelo retorno do sangue das pernas e pés para o coração e, ao contrário do sangue arterial, ele corre contra a força da gravidade, ou seja, não tem nada que o ajude a bombeá-lo de volta. Isso é feito apenas com a ajuda dos músculos e das veias das pernas e dos pés. Porém, quando a pessoa fica muito tempo parada na mesma posição, esse retorno do sangue fica prejudicado.

Assim, quem trabalha o dia todo sentado ou em pé, precisa movimentar as pernas a cada duas horas. Exercícios para a panturrilha ajudam bastante, como rodar os pés no sentido horário e anti-horário, ou caminhar na ponta dos pés por cerca de um minuto.

Mais uma dica, evite ficar muito tempo sentado com as pernas cruzadas.

Pernas para o alto – No final do dia, se estiver com dor nas pernas, procure deitar-se com vários travesseiros sob os pés ou se sente em uma cadeira e coloque os pés nas costas de outra cadeira. Ficar nessas posições por ao menos 15 minutos trará um grande alívio.

Use sapatos confortáveis – No dia-a-dia é importante observar o tipo de sapato que você está usando. Eles devem ser confortáveis, não ter o salto muito alto, mas também não precisam ter o solado muito reto. Outra coisa, a numeração precisa encaixar perfeitamente com o tamanho e formato do pé, não sendo nem apertado nem frouxo demais.

Evite fumar e ingerir bebidas alcoólicas – Evitar o álcool e o cigarro é bom para a saúde no geral e claro que também é uma excelente ideia quando o assunto é aliviar dores nas pernas.

As bebidas alcoólicas favorecem a retenção de líquidos, a vasodilatação e, portanto, o inchaço. Já o cigarro pode alterar a saúde das veias e artérias.

Controle seu peso – Os quilos a mais dificultam a circulação correta do sangue e sobrecarregam as veias. Por isso, manter o peso sob controle por meio de uma alimentação saudável, evitando alimentos ricos em gorduras saturadas e sódio é uma excelente ideia.

Agora que você já sabe o que fazer, que tal colocar mãos á obra? Ou melhor, pernas à obra…

Fale agora conosco!