Correr, pedalar ou nadar. Qual é o melhor?

14 de maio de 2021

Sabe o que as três atividades no título desta matéria têm em comum? Todas são exercícios aeróbicos que ajudam a melhorar nossa resistência cardiopulmonar e fortalecem nossos mecanismos de defesa do organismo. Mas qual destas é melhor? Quais os principais benefícios e riscos de cada uma? Qualquer pessoa pode praticar estes exercícios? Leia e descubra.

Dançar, pular corda, pedalar, nadar, correr, caminhar, escalar, estes são bons exemplos de atividades aeróbicas, que são aqueles exercícios de baixa intensidade e de longa duração, onde nosso organismo utiliza continuamente oxigênio, sendo a glicose, os carboidratos e as gorduras as fontes para o processo metabólico de suprimento de energia aos nossos músculos e órgãos. Estes exercícios são os mais indicados para a perda de peso e ajudam a aumentar a resistência física.

As pessoas que praticam exercícios aeróbicos regularmente têm vantagem enorme sobre as pessoas que praticam exercícios anaeróbicos – aqueles de curta duração e alta intensidade, com baixa presença de oxigênio. Ambos têm suas qualidades e características, mas como manutenção da saúde, o aeróbico é mais eficaz para aumentar a capacidade imunológica, além de prevenir diversos problemas cardiovasculares, ajudando ainda a manter sob controle os níveis de colesterol.

A primeira dúvida para quem se decide a praticar uma atividade é: qual é o melhor exercício aeróbico? Os três exercícios mais comuns são a corrida, a natação e pedalar na bicicleta, e cada um tem características e recomendações específicas, além é claro da adaptação e gosto pessoal de cada um.

Vamos ver as principais características de cada esporte e quais os benefícios e riscos.

Natação: é o único que trabalha bem os membros superiores, como ombros e braços. Também exercita os músculos de forma uniforme. Outra vantagem é que o impacto no corpo é quase zero e o risco de lesões é muito baixo, ao contrário das outras modalidades

Ciclismo: Essa atividade fortalece as pernas e glúteos e ajuda a melhorar a capacidade aeróbica do praticante. Mas é um esporte muito suscetível a acidentes, pelo risco de rodar em velocidades mais altas e queda da bicicleta. Outro problema é que o local de treinamento deve ser escolhido cuidadosamente, tendo em conta a segurança e a dirigibilidade. O custo é outro problema para começar a dar as primeiras pedaladas. Uma bicicleta de boa qualidade pode variar de R$ 1 mil até mais de R$ 20 mil, além das despesas com manutenção, como pneus, freios e lubrificação.

Corrida: É a modalidade que mais queima calorias e perda de peso para o praticante. Uma hora de esteira, por exemplo, gasta entre 600 e 800 calorias. O corredor também define bem as pernas, a panturrilha e as coxas, além de desenvolver a capacidade cardiovascular. Das três atividades, porém, é a que mais machuca o corpo do atleta. A medida que o corredor aumenta a quilometragem, duração e intensidade podem ocorrer lesões na canela, no joelho, no tornozelo, além dos riscos de entorses e quedas em pisos irregulares ou obstáculos nas corridas de rua ou estrada.

Qual o melhor esporte para promover melhoria da saúde? Todos!

É importante compreender que os benefícios dependem da prática regular. Assim, é necessário escolher por uma modalidade que você goste e na qual se sinta bem, além de considerar a facilidade de acesso para as suas condições. Não adianta optar por aquela que você não possa praticar regularmente.

Não há necessidade de realizar o exercício em intensidade muito alta, é importante começar devagar. Comece com 30 minutos de treino e vá aumentando gradativamente à medida que sentir que consegue ir mais longe, aumentar a duração ou elevar a intensidade.

E nunca se esqueça de realizar uma avaliação médica antes de começar qualquer prática esportiva e buscar o acompanhamento de um profissional de educação física.

Já escolheu sua modalidade? Quem sabe você queira unir as três modalidades em uma única prática: o triatlo – apenas como referência, as provas de IronMan, o maior desafio para atletas desta modalidade, envolvem 3,8 quilômetros de natação, 180 km de ciclismo e 42 km de corrida. Seja qual for sua decisão, o importante é combater o sedentarismo, no seu tempo, da sua maneira.

Fale agora conosco!